Spread the love

Falaaa pessoal.

Lembram como começou esse blog?! Poisé, agora eu vou contar como foi que eu tomei a minha primeira decisão e como está sendo o resultado dela.

Depois de achar que a minha vida estava um pouco monótona e sem objetivos, decidi que ia começar uma mudança a respeito. O melhor jeito que eu encontrei para medir o impacto dessa decisão, foi ir pra cima de algo que eu realmente pudesse ver todo o dia. A partir disso, cheguei a conclusão que iria mudar a minha fisionomia. Não pra ser o cara mais bombadão, ou sair pegando todas, mas realmente para eu ver se era possível realizar essa mudança e também conseguir enxergar essa evolução todos os dias com o tempo.

O primeiro passo foi me matricular numa academia na minha cidade. Pesquisei várias (nem tinha noção de como pode ser caro praticar atividades físicas), muda muito o estilo de cada uma e a faixa de preço. No final acabei optando por uma intermediária, pois não queria gastar muito e também não sabia se ia me manter lá por muito tempo.

Segunda feira, 07 de setembro de 2015 comecei os meus treinos. Olha vou dizer que não foi nada fácil viu, primeiro veio a sensação de que eu era mais fraco que todo mundo na academia, sem contar as dores que fiquei o resto da semana. Mas como eu estava com um objetivo claro de mudar minha vida, não poderia deixar isso me abalar, então me mantive firme.

Depois de passar 1 mês treinando e não ver nenhum resultado efetivo eu cheguei a conclusão de que algo não estava certo. Poderia ser a minha maneira de treinar, de alimentar ou minha genética. Resolvi pesquisar melhor e descartei a opção genética, pois poderia ser muito fácil pra eu desistir por causa disso. Sobraram duas coisas, alimentação e maneira de treinar. Qual delas seria a responsável pela falta de resultados? Poderia ser as 2 juntas?! Sim, com certeza! Então resolvi atacar as 2 causas da minha falta de resultados de uma vez só. Contratei o melhor Personal Trainer em Suzano que encontrei e também fui atrás de uma amiga minha que era nutricionista e segui todas as instruções que eles me passavam.

Mais 1 mês se passou, e comecei a ver resultados, não estava aonde eu esperava, mas pelo menos eu vi uma evolução que era exatamente o que eu queria, uma prova visível para continuar treinando. Me motivei e continuei. E sabe aquela frase que você escuta quando está no começo da academia “O começo é ruim, mas depois você não fica sem!”, foi exatamente o que aconteceu comigo.

Hoje (08/01/2016) não preciso mais ficar me olhando no espelho para ver uma prova de que é possível evoluir e continuar com os treinos diários, acredito que virou um hábito já. Eu até já gosto de falar sobre o assunto. Muitas vezes fico discutindo tipos de treinamento com meu amigo que é Personal Trainer em Mogi das Cruzes e também as vezes troco email com outro amigo que estudou comigo e é Personal Trainer em Florianopolis. Aliás, eu falei para eles olharem o site achepersonaltrainer.com que foi onde eu encontrei o meu.

Não sei se é aquele negócio de que fazer algo por 30 dias vira um hábito, mas realmente estou meio viciado em academia. E realmente estou vendo uma evolução física e gostando bastante dos resultados.

Bom pessoal, “Decisão 1” relatada! Espero que tenham gostado, aguardem por mais relatos que já já sai mais.

Abraços

Comments are closed.

Post Navigation